Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


A equipa B do Sporting foi lançada em 2012-2013 (sim, na tal época do 7º lugar), e independentemente da má-gestão desportiva da equipa sénior, ao nível da formação a equipa B foi uma excelente aposta que deu os seus frutos precisamente neste consulado de Azevedo de Carvalho.

 

Vejamos os jogadores dessa equipa B que viriam a integrar a equipa sénior ou a dar muito lucro financeiro:

 

- Cédric Soares

- Tiago lLori

- Tobias Figueiredo

- André Martins

- João Mário

- Eric Dier

- Ricardo Esgaio

- Daniel Podence

- Carlos Mané

- Iuri Medeiros

- Bruma

 

Claro que os treinadores de Azevedo de Carvalho também foram importantes, mas já havia um trabalho de base para dar continuidade, e só neste lote de jogadores se contabiliza 69 milhões de euros em vendas (que muito jeito deram para apresentar lucros e apregoar uma gestão de excelência), para além da utilidade que tiveram para o relativo sucesso desportivo dos primeiros 2 anos de mandato!

 

Os responsáveis máximos dessa equipa B foram homens do futebol como Oceano, José Dominguez e Manuel Fernandes (que viria a ser humilhado por Bruno de Carvalho na SportingTV)

 

Já no consolado de Azevedo de Carvalho, este escolheu Virgílio Lopes para ser o responsável máximo pela Academia, sendo que, olhando para o seu currículo desde 1990, fica à vista de qualquer um a forma como esta direcção "levou a sério" o projecto da formação. A não ser que o projecto seja outro, mas não seria nada que a auditoria que Pedro Paiva dos Santos quis pagar não esclarecesse. Mas adiante...

 

Essa equipa B logo no primeiro ano ficou em 4º lugar jogando um futebol muito interessante.

Já a actual equipa B ocupa actualmente um lugar de despromoção e, naturalmente, corre-se o sério risco do projecto que começou em 2012 morrer de vez! Preocupante e dramático.

 

E mais dramático do que isto, é que após 4 anos de muita parra e pouca uva, um inédito 7º lugar, para muita gente, ainda aparenta servir para dar o beneficio da dúvida a Azevedo de Carvalho.

 

É que até muitos dos notáveis, que podiam pelo menos ficar calados, colam-se à candidatura do "Rumo Certo".

 

Bem sei que nos tempos de hoje a "forma" não interessa, mas pelo menos abram os olhos com os resultados-desportivos!

 

A não ser que o padrão seja precisamente uma época em que terminamos em 7º lugar, sendo que teve que vir o especialista a falir empresas de chão-flutuante e de carpintaria para nos salvar do Apocalipse!

 

Enfim, descendo ao nível e parafraseando o próprio Azevedo de Carvalho, só me aperece dizer: 

"mas que Belfodil que é isto tudo!"

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

img_770x433$2013_03_24_02_57_00_772657.jpg

Este é um dos pontos que merecerão reflexão e o devido debate nas próximas eleições. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

naom_51aeed6195048.jpg

Passados 3 anos, e embora o jogador ainda só conte com 21 anos, creio que já se pode dar razão aquela maioria (creio eu) que dizia que a sua saída do Sporting iria estagnar o seu processo de evolução.

 

Era mais que óbvio que o menos beneficiado de todo aquele processo seria o próprio jogador.

 

Um miúdo com então 18 anos de idade, ingénuo, e sem um suporte familiar desde que estava no Sporting. Desde logo uma presa fácil.

Não o culpo de nada. Até é o menos culpado.

 

E é pena que para já, aparentemente, o jogador ainda esteja longe daquilo que "prometeu".

 

Passados 3 anos, e tendo em conta o que tenho visto durante este período de tempo, "cheira-me" que até aquela polémica foi uma grande treta.

Autoria e outros dados (tags, etc)

 

 

academia-sporting.jpg

 

O sucesso deste campeonato vem sendo construido desde a época de 2013-2014 com Leonardo Jardim.

Depois de uma politica-desportiva completamente fracassada que culminou com um inédito e surpreendente 7º lugar, iniciou-se um novo ciclo.

Como os prometidos investidores afinal nunca existiram, foi preciso reconstruir uma equipa com o pouco dinheiro disponivel face à reestruturação-financeira já iniciada.

E é ai que a formação, no meu entender, foi a base do "renascimento" do Sporting.

 

Por tradição, o Sporting sempre teve nas suas equipas jogadores da formação. No último ano em que fomos campeões tinhamos alguns, como o Hugo Viana, o Quaresma, ou o Beto.

No tempo do Paulo Bento a aposta na formação foi forte, e já se sentia o trabalho feito na Academia desde 2002 (ano da sua inauguração). Rui Patrício, Carriço, Carlos Martins, Miguel Veloso, João Moutinho, Nani, Djaló, Pereirinha, Custódio, ou Miguel Garcia, foram alguns dos jogadores lançados nesse tempo, e que ajudaram o Sporting a ser minimamente competitivo, num periodo de contenção-financeira e até de venda de património.

 

Mas se compararmos os actuais jogadores da formação com os do tempo do Paulo Bento, a nivel de qualidade\quantidade os actuais jogadores dão "10-0"!

E isto é resultado do facto de que esses jogadores quando entraram no Sporting, já há alguns anos que a Academia estava em pleno desenvolvimento nas mais variadas vertentes de trabalho.

 

Vejamos:

Em 2013-2014 tinhamos Rui Patrício, Cédric, Dier, André Martins, William Carvalho, Adrien Silva, Wilson Eduardo, Carlos Mané, ou Esgaio.

O onze base era composto por Rui Patrício, Cédric, Maurício, Rojo, Jefferson, William Carvalho, Adrien, André Martins, Capel, Carrillo, e Montero. Aqui temos 5 jogadores da formação, sendo que o meio-campo era todo composto por jogadores made in Alcochete.

E de relembrar que William Carvalho foi quase um achado, e foi determinante no equilibrio de uma equipa que estava a dar os seus primeiros passos.

Numa época sem o desgaste das competições europeias, e saindo fora das Taças precocemente, deu para gerir bem a jovem e inexperiente equipa para um 2º lugar e consequente acesso à Liga dos Campeões. Mérito também para Leonardo Jardim.

 

Em 2014-2015 já não tivemos Eric Dier, mas lançou-se Tobias Figueiredo e João Mário. Os restantes jogadores mantiveram-se, e continuaram o seu processo de evolução. O onze base foi práticamente o mesmo, com a diferença de termos Sarr ou Paulo Oliveira no lugar de Rojo, e Nani no lugar de Capel.

Nessa época os desafios foram maiores. Pois num ano em que foi lançado o desafio de lutar pelo título, era necessário gerir isso com a Liga dos Campeões. Pois a jovem equipa não tinha experiencia de Liga dos Campeões, nem ritmo de jogarem a meio da semana.

Aqui Marco Silva também esteve muito bem. Apesar do 3º lugar, soube dar continuidade à consolidação da equipa, tendo em conta os mais exigentes desafios comparativamente à época anterior.

Conseguimos 76 pontos no campeonato e vencemos a Taça de Portugal.

 

Esta época, em 2015-2016, não temos Cédric, mas lançou-se Gelson, Rúben Semedo e Matheus. Os restantes jogadores mantiveram-se, e já não se pode olhar para eles como "aqueles miúdos". São jogadores "feitos".

Esta época foram utilizados 11 jogadores da formação. Cerca de 1\3 do plantel.

Quanto nos teria custado um meio-campo com William, Adrien e João Mário? Quanto nos custaria um guarda-redes como Rui Patrício?

 

E por falar em lucros, jogadores como Bruma, Tiago Llori, Eric Dier, João Moutinho (Porto-Mónaco) não foram também a base dos lucros financeiros que Bruno de Carvalho obteu para o Sporting?

 

Bruno de Carvalho tem a noção que apesar de uma época desportiva muito má em 2012-2013, noutras vertentes, houve um muito bom trabalho que está na base do paulatino crescimento da equipa principal do Sporting. Tem a noção que nas suas mais de 50 contratações acertou-se em muito pouco nas duas primeiras épocas. Hoje já há jogadores que "choram" públicamente - Ryan Gauld e Bruno Paulista, por exemplo.

Finalmente, as prometidas contratações cirúrgicas na campanha eleitoral, surgiram esta temporada.

 

Tendo ele todas estas noções, sentiu a necessidade de colocar na página de facebook do Sporting, os jogadores que foram por si contratatos, e incluiu alguns dos jogadores da formação como "seus", como se todos esses jogadores não estivessem no Sporting há cerca de 10 anos!

12928346_10153400750441555_6492059958858947465_n.p

 

Um post que demonstrou bem a "aflição" que ele sente pela sua reeleição. Uma campanha eleitoral que foi promovida (se é que ele nunca esteve...) após a derrota contra o Benfica e a consequente perda da liderança do campeonato.

 

A Bruno de Carvalho não se pode tirar o mérito de ter contratado 3 bons treinadores. Foram também eles que estiveram na base do grande campeonato desta temporada. Mas dou maior destaque aos jogadores, pois são eles que marcam golos.

 

Básicamente, cada um de nós tem que ter o seu mérito e ser tratado com o devido respeito.

 

E este artigo que me dei ao trabalho de elaborar, repito, tem como objectivo demonstrar que apesar da ridicula temporada em 2012-2013, noutras vertentes, houve bom trabalho, e que ajudou neste paulatino crescimento do Sporting - que está hoje muito próximo do título.

 

Há pormenores que fazem toda a diferença na hora da vitória e da derrota, e que podem dar ou tirar significado ao momento.

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

galinha.png

 

 Ficou célebre a frase "tinham que nascer 10 vezes" por parte de Jorge Jesus, aquando da saida de Matic para o Chelsea, referindo-se aos jovens do Seixal. Esta frase terá demonstrado desprezo pelo futebol de formação, ou estaria Jorge Jesus mal habituado?

Vamos a alguns factos em forma de perguntas:

 

- Antes de Jorge Jesus, o Benfica tinha tradição na formação?

- Quando havia dinheiro para contratar Gaitans, Di Marias, Enzos, Javis Garcias, Matics, Aimares, Saviolas, Cardozos, etc, haveria espaço para ir integrando jovens da formação, ao mesmo tempo em que se lutavam por todos os titulos?

- É mentira que Jorge Jesus chegou a dar minutos a jogadores como Nelson Oliveira, André Almeida, André Gomes, Ivan Cavaleiro, Bernardo Silva, ou João Cancelo?

- A alegada não aposta na formação, impediu que jogadores como Bernardo Silva, André Gomes, João Cancelo, e Ivan Cavaleiro fossem vendidos por 15 milhões de euros?

- Muitos questionam o facto de todos eles terem sido vendidos por 15 milhões com o empresário Jorge Mendes envolvido nas negociações. A ter havido algum tipo de negociata, foi Jesus quem autorizou que estes fossem vendidos?

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D